8 de Junho – Dia Nacional de Luta

20060608lutaO Conselho Nacional decidiu convocar para o próximo dia 8 de Junho um Dia Nacional de Luta com expressão em todo o país, com manifestações, em princípio, em todos os distritos e nas regiões autónomas.

 

 

 

08 DE JUNHO – DIA NACIONAL DE LUTA

  1. Na reunião realizada no passado dia 4 de Maio, o Conselho Nacional da CGTP-IN procedeu à análise da actual situação social, económica e política do país, tendo constatado:
  1. o essencial das políticas seguidas pelo governo e as práticas patronais estão a conduzir à continuação do enriquecimento dos detentores do poder económico e financeiro e a impor mais sacrifícios aos trabalhadores, o que provoca mais desigualdades, mais injustiças, rupturas de solidariedades e o alargamento da pobreza na nossa sociedade;
  2. em vez da necessária mudança que implica rupturas com aspectos fundamentais das políticas seguidas nos últimas anos, assiste-se a um perigoso prosseguimento de uma matriz de desenvolvimento já condenada, verificando-se que o aparelho produtivo continua a ser destruído, aumenta o desemprego, prosseguem as políticas de baixos salários e o ataque à contratação colectiva, diminui a qualidade do emprego, estagna o investimento, aumenta a precariedade e o desrespeito pelas leis, é posto em causa o papel do Estado e as funções da Administração Pública e são atacados direitos sociais fundamentais como o ensino, a saúde e a segurança social;
  3. estamos perante uma nova onda de imposição de políticas que fazem a sistemática invocação da crise, ignorando as suas causas e rejeitando as políticas que as combatam, para impor aos trabalhadores um novo conjunto de medidas de "apertar o cinto".
  1. O Conselho Nacional registou que cresce a disponibilidade de luta dos trabalhadores em diversos sectores em defesa do emprego, dos seus direitos e da contratação colectiva.
  2. O 1.º de Maio, realizado em 42 localidades, com 68 iniciativas, e em que participaram mais de 100 mil trabalhadores, caracterizou-se por uma afirmação forte da dignidade do trabalho e de denuncia da injustiça que está por detrás dos sacrifícios impostos aos trabalhadores e por um forte e crescente descontentamento popular face às políticas seguidas pelo governo e às posições dos detentores do poder económico e financeiro e pela exigência de uma nova política que faça sair o país da estagnação económica e do retrocesso social.
  3. 8 de Junho – Dia Nacional de Luta

    Neste contexto, o Conselho Nacional decidiu convocar para o próximo dia 8 de Junho um Dia Nacional de Luta com expressão em todo o país, com manifestações, em princípio, em todos os distritos e nas regiões autónomas, com os seguintes objectivos:

      • em defesa da segurança social, contra a diminuição das pensões e a tentativa do aumento directo ou indirecto da idade da reforma;
      • contra o aumento do custo de vida e pela melhoria dos salários;
      • em defesa do emprego, contra a precariedade;
      • pela contratação colectiva e pela revogação das normas gravosas do Código do Trabalho;
      • em defesa de uma Administração Pública ao serviço dos cidadãos e pelos direitos sociais.

    O Conselho Nacional decidiu ainda:

        • apelar a todos os sindicatos que preparem, desde já, o esclarecimento e a mobilização dos trabalhadores dos sectores privado e público com vista a uma ampla participação no Dia Nacional de Luta;
        • recomendar a realização de plenários de activistas nas diversas regiões, entre 15 e 18 de Maio, com vista à necessária mobilização de todos os quadros sindicais e à definição das tarefas a desenvolver nos locais de trabalho;
        • saudar e exortar os trabalhadores da Administração Pública a participarem na Semana de Luta de 15 a 19 de Maio e, em particular, na grande manifestação de 19 de Maio, em Lisboa;
        • realçar a importância de um debate profundo em torno da segurança social que é hoje um tema que necessita da maior atenção e mobilização de todos os trabalhadores no activo e dos reformados e que merecerá, no âmbito da preparação do Dia Nacional de Luta, um debate mais especializado;
        • apelar a todos os sectores privado e público que adoptem as medidas necessárias para dar cobertura legal à saída dos trabalhadores dos locais de trabalho para participarem nas manifestações do dia 8 de Junho.

Saudações Sindicais,

Pel’ A Comissão Executiva do Conselho Nacional

 

Interjovem

Realizámos uma grande manifestação

Saudação Realizámos uma grande manifestaçãoÉ tempo, agora, de intensificar e ampliar a luta necessária! O dia 28 de Março ficou marcado por uma g...

Inter-reformados

CIMH