Portugal, 3 anos depois, está mais pobre e desigual

Documento entregue ao Primeiro-ministro na reunião do dia 9 de Abril de 2014. Decorridos quase 3 anos de aplicação do memorando da troica, a realidade, os dados e a generalidade dos números confirmam que estamos perante um programa que não só coloca o país numa situação de insustentabilidade económica, financeira, social e demográfica, como põe em causa direitos fundamentais consagrados na Constituição da República Portuguesa, na Declaração Universal dos Direitos Humanos e na Carta Social Europeia. Ver DOCUMENTO

 

Interjovem

Saudação da Interjovem

A Interjovem/CGTP-IN saúda os jovens trabalhadores que têm contribuído para a intensificação da luta nas empresas, serviços e locais de trabalho. D...

Inter-reformados

CIMH